Uma vez dominada, a leitura é um processo simples, imediato e que não exige nenhum esforço aparente. Lemos para partilhar, para sonhar e para aprender a sonhar...

Várias evidências que sugerem que o leitor normal dispõe essencialmente de duas vias para ler as palavras: uma baseada nos sons – via fonológica – e outra na em unidades maiores que a letra – via ortográfica.

Por aprendizagem compreende uma mudança das nossas habilidades – modo de fazer e de conhecer – mais ou menos permanente e resultante da nossa interacção com a experiência anterior.